Grande Encontro de Candidaturas

CategoriasImprensa / Comunicação
NÓS CIDADÃOS quer Procurador- Geral da República eleito e não nomeado
NC apresenta em Lisboa um pacote de medidas de cidadania para revigorar a democracia
Mendo Castro Henriques, presidente do Nós Cidadãos, dirigiu os trabalhos que reuniu os cabeças de lista do partido, este sábado em Lisboa para, entre outros assuntos, apresentar a fórmula política e o plano de campanha para atacar a caminho à Assembleia da República: “Os diagnósticos estão todos feitos, as curas é que não são implementadas”.
O partido Nós Cidadãos reuniu esta tarde no hotel VIP Zurique, em Lisboa, a maioria dos cabeças de lista das candidaturas às próximas eleições legislativas, com vista ao diálogo entre os participantes sobre as medidas programáticas, eventos e plano de campanha.
“É essencial que se torne bem claro o que queremos para o País, assim como o que os eleitores querem de nós. Com o esvaziamento ideológico político dos partidos tradicionais a tornar-se cada vez mais gritante, é normal que a população veja as suas referências a deteriorarem-se publicamente e decidam ficar em casa. A culpa não é dos abstencionistas e sim dos responsáveis pelo abstencionismo. É cada vez mais notório o cansaço das pessoas para com os políticos profissionais: vamos revigorar a democracia com esperança”, comentou o líder nacional dos Nós Cidadãos.
No plenário que durou cerca de cinco horas e que contou com sete pontos de discussão, foram referidos os três pilares em que assentam a acção para o objectivo eleitoral de 6 de Outubro: coesão nacional; combate à corrupção; reforma do sistema político eleitoral.
Aveiro, Bragança, Setúbal, Leiria, Lisboa, Beja, Coimbra, Santarém, Porto, Viseu foram alguns dos círculos que apresentaram as suas propostas, não apenas na perspectiva local mas também nacional.
Foram destacadas propostas de cidadania política, social e económica tais como: a exigência do fim da nomeação do procurador geral da república e a sua eleição mista pela AR e governo; a criação da NUTS II Setúbal que permitiria ao país obter mais de 2 mil milhões de euros de fundos europeus; a unificação da legislação sobre empresas municipais de parqueamento que permitirá por fim a escândalos como os do EMEL.

Mendo Henriques, Presidente do  NC

 

 

Artigos Relacionados

12 DE FEVEREIRO DE 2021

Uma lei que prejudica...

Ainda acerca da famigerada revisão da lei eleitoral, que regula o acesso aos órgãos...

0

11 DE FEVEREIRO DE 2021

Nós Cidadãos: Não queremos...

A nona alteração à lei autárquica, aprovada pelos votos do PS e do PSD, vem...

0

22 DE JANEIRO DE 2021

REPTO NACIONAL NÓS CIDADÃOS

URGENTE!!! Haja bom senso, sentido de Estado e respeito pelo povo português. O Governo e...

0

3 DE NOVEMBRO DE 2020

III Congresso do Nós,...

Nos termos do artigo 212, alínea 2, dos estatutos do Nós, Cidadãos!, venho por esta...

0

13 DE MARçO DE 2020

III Congresso do Nós,...

Caros Membros do Nós, Cidadãos! A evolução da COVID-19 em Portugal muito dificultou a...

0

1 DE MARçO DE 2020

III CONGRESSO DO NÓS,...

Nos termos do artigo 21º, alínea 2, dos estatutos do Nós, Cidadãos!, venho por esta...

0

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.