Comunicado CPN 15.06.2019

CategoriasComunicados / Comunicação

A Comissão Política Nacional do Nós Cidadãos!, reunida em Espinho, aprovou as contas nacionais de 2018; marcou um Conselho Nacional para o dia 7 de julho; e, considerando que deve haver uma união de partidos emergentes que se demarquem da alternância de poder entre PS e PSD, aprovou o princípio de coligação eleitoral com o partido Aliança e outras forças que venham a convergir na seguinte plataforma:

1) Promover a democracia e os direitos humanos em Portugal, na Europa e na Lusofonia; 2) Reformar o Estado, aproximando-o dos Cidadãos, mediante reformas políticas, económicas e sociais que beneficiem todos os distritos do país; 3) Combater a morosidade da justiça e a corrupção instalada em detentores de cargos públicos e seus parceiros de corrupção na banca e nas empresas; 4) Reformar o sistema eleitoral por forma a que o voto seja cada vez mais uma escolha de pessoas e não de partidos, conforme os círculos uninominais previstos na Constituição da República.

Espinho, 15.06.2019

Artigos Relacionados

12 DE FEVEREIRO DE 2021

Uma lei que prejudica...

Ainda acerca da famigerada revisão da lei eleitoral, que regula o acesso aos órgãos...

0

11 DE FEVEREIRO DE 2021

Nós Cidadãos: Não queremos...

A nona alteração à lei autárquica, aprovada pelos votos do PS e do PSD, vem...

0

22 DE JANEIRO DE 2021

REPTO NACIONAL NÓS CIDADÃOS

URGENTE!!! Haja bom senso, sentido de Estado e respeito pelo povo português. O Governo e...

0

3 DE NOVEMBRO DE 2020

III Congresso do Nós,...

Nos termos do artigo 212, alínea 2, dos estatutos do Nós, Cidadãos!, venho por esta...

0

13 DE MARçO DE 2020

III Congresso do Nós,...

Caros Membros do Nós, Cidadãos! A evolução da COVID-19 em Portugal muito dificultou a...

0

1 DE MARçO DE 2020

III CONGRESSO DO NÓS,...

Nos termos do artigo 21º, alínea 2, dos estatutos do Nós, Cidadãos!, venho por esta...

0

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.